Bombeiros encontram corpo de jovem nas águas do Rio Branco

Corpo de Isabela Silva Pinheiro foi encontrado por mergulhadores (Foto: Divulgação)
 
Por volta das 13h de quarta-feira, 8, mergulhadores da Companhia de Busca e Salvamento dos Bombeiros encontraram o corpo da jovem Isabela Silva Pinheiro, de 18 anos, que estava desaparecida desde a terça-feira, 7, quando saiu de sua casa, no bairro 13 de Setembro, zona Sul da Capital. O corpo foi encontrado a aproximada três quilômetros da ponte dos Macuxi sem sinais aparentes de violência. Uma das suspeitas é de que a jovem tenha saltado da ponte.
Segundo o oficial do dia, responsável pelas equipes de busca e salvamento, tenente Assis Santos, as ações dos bombeiros foram iniciadas ainda na madrugada de ontem, por duas equipes de quatro militares, uma fazendo buscas na superfície e a outra constituída por mergulhadores à procura do corpo.
“Fomos acionados para essa ocorrência às 3h e deslocamos as equipes. Por volta das 3h30 começamos as buscas, primeiro superficiais, e continuamos nas primeiras horas da manhã com as buscas submersas. Uma equipe de mergulhadores fez a busca no provável local onde a vítima teria saltado, mas só a encontramos rio abaixo. Na verdade, não tínhamos informações concretas sobre o afogamento”, disse Assis Santos.Os bombeiros contaram que a Polícia Militar acionou a companhia, pois havia a suspeita de que uma jovem teria saltado da ponte, uma vez que um taxista relatou que, ao seguir sentido Cantá, a Centro-Leste do Estado, viu que havia uma garota ao lado de uma bicicleta no alambrado da ponte, mas quando retornou percebeu que somente a bicicleta estava no local. O tenente ressaltou que não teve contato com os parentes da jovem desaparecida. “Mas, mesmo assim, começamos as buscas e a vítima foi localizada às 13h”, ressaltou.
Os bombeiros confirmaram que familiares não acompanharam as buscas e por isso não conseguiram obter informações detalhadas sobre as razões da morte, apesar de os indícios serem de que a vítima tenha saltado da ponte.
O rabecão fez a remoção do corpo até a sede do Instituto de Medicina Legal (IML), onde passou por necropsia e em seguida peritos do Instituto de Identificação, por meio das impressões digitais, confirmaram que o corpo era de Isabela. Ainda na noite de ontem, o corpo foi liberado. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil, uma vez que não há comprovação de que se trate de um suicídio. (J.B)




Por João Barros
COMPARTILHAR:

+1

Publicidade:

Roraima music no twitter

Total de visualizações

Cursos Online

Receba Nossas atualizações

•Recomende-nos No Google+
•Receba Nossas Notícias do Roraima Music Por e-mail