Túnel de 17 metros era usado para furtar derivados de petróleo em dutos da Transpetro em Itaquaquecetuba, diz polícia

Técnicos vão retirar produtos de contêineres para verificar se o furto era de nafta ou gasolina. Túnel dava acesso à parte subterrânea de terreno onde desvio era feito, no Jardim Odete.
Contêineres eram usados para armazenar combustível e derivados furtados em duto da Petrobras em Itaquaquecetuba (Foto: Polícia Civil/ Divulgação)

Policiais civis estiveram nesta terça-feira (24) em um imóvel, em Itaquaquecetuba, usado para o furto de derivados do petróleo de dutos da Transpetro, subsidiária da Petrobras. Um túnel de 17 metros foi escavado e contêiners armazenavam o produto furtado. O técnicos vão retirar produtos de contêineres para verificar se o furto era gasolina ou nafta, usada como matéria-prima para a indústria petroquímica. A Defesa Civil de Itaquaquecetuva informou que nenhum imóvel precisou ser interditado e que não há risco de explosão. Este é o quarto caso do tipo na cidade em menos de um ano.
A Transpetro informou que não houve vazamentos. "Equipes da companhia foram mobilizadas para realizar o reparo. As autoridades competentes foram comunicadas e a companhia está colaborando com as investigações."
Polícia Civil identifica túnel usado para furto de combustíveis em Itaquaquecetuba
Polícia Civil identifica túnel usado para furto de combustíveis em Itaquaquecetuba
Uma viatura do Grupo Armado de Repressão à Roubos e Assaltos (Garra) preserva o local. O galpão foi alugado pelos criminosos em agosto. No imóvel, segundo a polícia, havia toda uma operação de engenharia para furtar os produtos. Uma investigação do Setor de Investigações Gerais (SIG), da Polícia Civil, chegou até o galpão, no Jardim Odete. O túnel liga o galpão até a parte subterrânea do terreno que pertence à Transpetro. Uma escada era usada pra dar acesso.
Foram encontradas também mangueiras e contêineres usados, segundo a polícia, para armazenar o que era retirado. O galpão tem um portão grande e existe a suspeita que caminhões também eram abastecidos na garagem. “Tivemos a informação de que neste local estaria sendo feita essa derivação clandestina de combustíveis. Passamos a investigar há 45 dias. Desde semana passada estamos no local, fazendo uma campanha visando pegar alguém que tivesse acesso. Não tivemos sucesso. Mas devido ao odor forte que estava exalando, decidimos deliberar o acesso”, delegado Deodato Rodrigues Leite.
Os técnicos da Transpetro fizeram a medição do túnel pelo lado de fora, por causa do risco de explosão. O galpão fica em uma área industrial e do outro lado tem uma escola. Ninguém foi preso por enquanto, mas as investigações continuam.
A Transpetro ainda acrescentou que "preza pela segurança das pessoas, do meio ambiente e de suas operações. Entre suas medidas preventivas está o telefone 168, canal pelo qual os moradores vizinhos às instalações podem contribuir com a empresa, seja no envio de críticas, sugestões ou comunicando qualquer movimentação suspeita na faixa de dutos ou em terrenos próximos.

Outros casos

Em setembro, a Defesa Civil de Itaquaquecetuba interditou três imóveis, depois da descoberta de uma casa que servia de base para o furto de combustível em um duto da Petrobras. Eles eram vizinhos dessa casa, onde os técnicos encontraram um túnel que fazia a ligação com o duto, no Jardim Sousa Campos.
Já em agosto, depois de uma denúncia, a Polícia Civil de Itaquaquecetuba encontrou outro túnel usado para furtar combustíveis, no Jardim Adriane.
Em dezembro de 2016, foi descoberto o primeiro caso do tipo na cidade. Uma borracharia escondia o crime e houve vazamento.
Túnel usado para furto de combustível em Itaquaquecetuba tem 17 metros, diz polícia (Foto: Polícia Civil/ Divulgação)








Por G1 Mogi das Cruzes e Suzano
COMPARTILHAR:

+1

Publicidade:

Roraima music no twitter

Total de visualizações

Cursos Online

Receba Nossas atualizações

•Recomende-nos No Google+
•Receba Nossas Notícias do Roraima Music Por e-mail