PM prende quatro pessoas com arma de fogo e munição

A arma foi encontrada na casa de um dos suspeitos (Foto: Divulgação/PM)
 
No começo da madrugada desta quarta-feira, 6, a Polícia Militar prendeu quatro pessoas supostamente envolvidas com crime de posse de munições e um revólver. Os policiais conseguiram chegar ao bando depois que interceptaram o indivíduo que seria o responsável pela venda de munições.
Enquanto fazia o patrulhamento no bairro São Bento, zona oeste, a PM encontrou um elemento transitando em atitude suspeita e decidiu fazer abordagem, momento em que ele se desfez de alguns pertences que carregava. Ele foi detido e o pacote que carregava foi encontrado pela equipe policial. Nele havia algumas munições e dois celulares. Um deles tocava o tempo todo. A guarnição decidiu atender e marcou o local de encontro com o comprador da munição, que cobrava a entrega do material.
No primeiro momento, o suspeito disse que estaria num carro Montana prata, mas em seguida retornou a ligação e confirmou que aguardaria em uma determinada rua do bairro Jóquei Clube, também zona oeste, e que estaria em um táxi convencional, modelo Prisma.
Quando chegaram ao local, os policiais abordaram o veículo e efetuaram a prisão do indivíduo e de um comparsa. Ele confessou que compraria as munições porque teria um revólver guardado em sua casa. A PM foi até a residência do suspeito, onde foram recebidos por sua mãe, que permitiu a entrada da guarnição e observou toda a revista do imóvel sentada na cama do filho.
Depois de procurar por todos os lugares e não encontrar a arma, os policiais pediram que a mulher saísse de cima da cama, pois desconfiaram de sua atitude. O revólver calibre 357 estava escondido dentro do boxe da cama.
A mãe disse que não sabe como o filho adquiriu a arma e que não entende os motivos pelos quais ele tem uma vida de ostentação de celulares de última geração e carrega no pescoço uma corrente de ouro avaliada em aproximadamente R$ 3 mil.
Todos os envolvidos na ocorrência foram encaminhados à Central de Flagrantes do 5º Distrito Policial para serem ouvidos pela autoridade policial, que decidiu lavrar o Auto de Prisão em Flagrante (APF) do bando. Eles ficaram detidos numa das celas da delegacia para aguardar a audiência de custódia.
A arma com numeração raspada e munições de calibre 32 e 357 foram apreendidas juntamente com dois celulares e serão submetidos à perícia. Os policiais ainda destacaram que o fornecedor de munições é um jovem que tem envolvimento com o crime organizado, que faz a guarda de muita munição e que participa dos planos para assassinar agentes de segurança do Estado. (J.B)






Por João Barros
COMPARTILHAR:

+1

Publicidade:

Roraima music no twitter

Total de visualizações

Cursos Online

Receba Nossas atualizações

•Recomende-nos No Google+
•Receba Nossas Notícias do Roraima Music Por e-mail