Bebê morre ao ser atingida por tiro dentro da barriga da mãe; mulher teve casa invadida no AM | Portal RR Music

Bebê morre ao ser atingida por tiro dentro da barriga da mãe; mulher teve casa invadida no AM

Útero de grávida de cinco meses foi perfurado e bebê morreu. Mãe continua internada.
Mãe foi transferrida para Hospital João Lúcio em Manaus (Foto: Ariane Alcântara/G1 AM)


Uma bebê que ainda estava dentro da barriga da mãe morreu depois de ser atingida por um disparo de pistola, na noite de segunda-feira (19), em Manaus. A mulher baleada tem 21 anos e segue internada no Pronto-Socorro João Lúcio. Ela estava no quinto mês de gestação. A casa da vítima foi invadida por homens armados no bairro Petrópolis, Zona Centro-Sul. A irmã dela, de 18 anos, foi morta com três tiros.
A gestante foi a atingida com disparos no braço, joelho, na boca e no abdômen. Ela chegou a ser socorrida por vizinhos e encaminhada para o Hospital Pronto-Socorro 28 de Agosto. Em seguida, a mulher foi transferida para o Pronto-Socorro João Lúcio.
De acordo com informações repassadas pela Secretaria de Estado de Saúde (Susam), após avaliação médica, verificou-se que um dos disparos perfurou o útero da paciente, atingindo o feto. Foi realizada uma cirurgia para retirar a criança, sem vida, da barriga da paciente.
Mulher foi morta na frente do filho de 2 anos e do casal de sobrinhos de 3 e 5 anos, no bairro Petrópolis (Foto: Ive Rylo/G1 AM)

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), na Zona Norte. Foi constatado que a bebê tinha 500 gramas e a causa da morte foi atestada por hemorragia aguda traumática, anemia aguda, ação perfuro contundente.
A residência fica em um local considerado "área vermelha", comandado pelo tráfico. Há indícios que o crime tenha sido encomendado. Após atirar, os suspeitos fugiram e ainda não foram presos. Os suspeitos são procurados pela polícia.

Caso similar

Em julho deste ano, um caso semelhante ocorreu no Rio de Janeiro. Arthur Cosme de Melo foi baleado na barriga da mãe enquanto ela ia ao mercado em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. A mulher estava estava grávida de 39 semanas.
O bebê teve hemorragia digestiva intensa. A bala atravessou o tórax da criança e também atingiu parte da orelha, de acordo com boletim da Secretaria de Saúde de Duque de Caxias. 





Por G1 AM 
COMPARTILHAR:

+1

Publicidade:

Roraima music no twitter

Total de visualizações

Cursos Online

Receba Nossas atualizações

•Recomende-nos No Google+
•Receba Nossas Notícias do Roraima Music Por e-mail