Suspeito de jogar celulares para dentro da Cadeia Pública não foi identificado

De acordo com investigações preliminares, celulares teriam como destino um preso da ala 5
Quatro celulares estavam dentro de uma garrafa pet (Foto: Rodrigo Otávio)

Agentes penitenciários interceptaram a ação de um homem que arremessou quatro celulares para dentro da Cadeia Pública de Boa Vista na tarde de domingo, 16.
Os aparelhos estavam dentro de uma garrafa pet envoltos por fita gomada. Um dos agentes percebeu, ao observar as câmeras de segurança, o momento que o material foi lançado e ficou preso no telhado da unidade prisional, situada no bairro São Vicente.
De acordo com o diretor da Cadeia Pública, João Paulo Godoi, os celulares teriam como destino um detento da ala 5. “Os presos da ala 5 são os considerados neutros, ou seja, aqueles que não têm ligação com facções criminosas”, destacou.
Godoi explicou que, por conta da baixa qualidade das imagens da câmera de vigilância, não foi possível identificar o suspeito de arremessar os celulares para dentro da Cadeia. A polícia interrogará os presos da ala 5 para tentar descobrir quem seria o dono dos aparelhos celulares. O material apreendido foi encaminhado para o setor de Inteligência da Polícia. (T.C)





Por Tamille Cunha
COMPARTILHAR:

+1

Publicidade:

Roraima music no twitter

Total de visualizações

Cursos Online

Receba Nossas atualizações

•Recomende-nos No Google+
•Receba Nossas Notícias do Roraima Music Por e-mail